Tagged Como usar almofadas

Almofadas: peças chaves na decoração

Dicas imprescindíveis para você não errar na hora de usar almofadas na decoração!

Ainda não foi inventado nada que remete mais à sensação de aconchego do que a combinação almofada e tapete. Uma sala ganha vida ou muda completamente de ar quando estas duas peças importante são empregadas na decoração.

Uma cama rodeada por um tapete fofinho e almofadas é muito mais agradável do que aquele lugar vazio, que chega a dar eco. Um deck com espreguiçadeiras e almofadas macias são um convite para o descanso após uma semana cheia de trabalho.

Mas como combinar uma coisa com a outra e ainda com os móveis e cortinas que você tem? Missão impossível. Nada disso. Basta ter bom senso e seguir algumas regrinhas básicas de como usar almofadas na decoração. Vem ver:

Almofadas

Formas e tamanho

Se existe um item de decoração que é símbolo de versatilidade, este item é a almofada. Estas peças podem ser encontradas nas mais diferentes formas e tamanhos, e por isso são capazes de renovar ou dar um diferencial a qualquer ambiente.

Quadradas, retangulares, redondas, em formato de flor, de animais, de estrelas, com estampas, lisas, com estampa que remetem ícones de cartoons, cinema e estilo geek. Tem almofada para todos os gostos, todos os tipos de decoração e todos os estilos.

Quantidade e composição

A quantidade de almofadas a serem utilizadas vai depender do ambiente e da decoração que você já tem. Lembre-se: é preciso equilíbrio. O mais tradicional é utilizar almofadas quadradas ou retangulares, mas isso não significa que outros formatos devem ser banidos.

Esta escolha depende do seu estilo e do que você quer transmitir. O melhor é

organizar as almofadas em pares ou grupos três, dispostas em cada lado do sofá. Mas o seu gosto é o que conta.

Números ímpares dão um visual melhor do que pares. Mas se a intenção é uma decoração clássica, simetria e formalidade são necessárias. Neste caso, um número de almofadas par é ideal.

almofadas-listras-suede
Cores

As cores e tonalidades de suas almofadas ditarão o tipo de ambiente você deseja. Tons clássicos (como bege, marrom, verde pastel, etc) remetem a um ambiente tranquilo. Paletas mais fortes e coloridas geram um espaço mais alternativo e vibrante.

Se o sofá tiver uma estampa extravagante, opte por almofadas de uma cor só. Caso a peça principal da sala for de cor lisa, use e abuse das cores: tecidos florais, geométricos, com estampas de animais, símbolos, ídolos, com aplicações, listras, xadrez, folhagens, poá, e o que mais você gostar.

Um mix com algumas peças estampadas e outras lisas também é um clássico da decoração. As estampadas podem se misturar, mas desde que possuam alguma cor em comum.

Isso vai garantir a harmonia e o equilíbrio que numa decoração de bom gosto merece. Também é possível combinar almofadas com estampas do mesmo tema (geométricas, folhagens, animais ou listras) e cores diferentes.

Ainda: a mistura entre listras com xadrez, estampa de bicho com folhagem tropical, tecidos lisos com flores, listras e xadrez fica belíssimo e arrojado. Mas isso só pode ser feito dentro da regra da sintonia entre as cores.

Agora, cuidado com almofadas cujas cores sejam muito contrastantes ou os tecidos muito diferentes. Em alguns casos esta diferença grande pode criar um certo charme na decoração, mas geralmente o efeito é o reverso: quebra da harmonia e um ambiente pesado.

Gostou?
Então venha conhecer a coleção de itens sensacionais disponíveis da Hazz.
Compre online: www.hazz.com.br